Crime em Brumadinho- Brasil

O rompimento da REPRESA do Feijão, controlada pela da mineradora Vale S.A, que aconteceu nesta sexta-feira (25), na cidade de Brumadinho, devasta povoados, provoca mortes e deixa centenas de pessoas desaparecidas por onde a avalanche de lama passa.

O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) está na região de Brumadinho e solidariza a população e as famílias atingidas.

Acompanhe os dados do crime até agora:

-34 vítimas fatais

-81 pessoas desabrigadas

-23 pessoas encaminhadas para o hospital

  • 12 milhões m³ de rejeitos despejados

-Cerca de 296 pessoas desaparecidas, segundo Corpo de Bombeiros

-Corpo de Bombeiros encerra as buscas neste sábado (26) às 20hs. Eles retomarão os trabalhos às 4h deste domingo;

-Dados da Vale


254 desaparecidos, entre trabalhadores da Vale e terceirizados
176 empregados da Vale encontrados com vida

-O rejeito chegou ao Rio Paraopeba

-A lama pode chegar a 19 munícipios, comprometendo o abastecimento de água de cerca de 1 milhão de pessoas

https://www.mabnacional.org.br

Anuncios